terça-feira, dezembro 29, 2009

Olhar para fora ...

«Não tenho nada a ver com isso mas se calhar há petróleo em Lisboa. No FC Porto não há. Temos de ser realistas. Temos aquilo que desejamos e até ao momento o treinador não me pediu qualquer jogador. O nosso plantel é excelente»

(Pinto da Costa in Record)

Não é nada que não tivessemos todos pensado já, mas agora que foi dito pelo presidente do FC Porto vai já merecer uma data de comentários.
Os clubes de Lisboa vinham a apresentar argumentos de falência técnica e agora, a meio de uma época onde ainda não se ganhou nada, voltam a gastar muito dinheiro.

O Sporting, que apresentava as justificações para os maus resultados como vindas de uma gestão ciudada, agora gastam aquilo que não têm (penso ee de que) e deixam de ter argumentos para as más exibições. Das duas uma, ou começam a jogar bem e a ganhar ou então iniciaram uma descida vertiginosa para o abismo de que dificilmente conseguiram sair incólumes.
O Benfica continua a comprar com dinheiro dos fundos, a aumentar o capital social (sabe-se lá como) e se esta época não for de consagração a queda é igual à do rival de Lisboa.

No FC Porto, embora querendo o penta campeonato, a gestão continua a ser igual à de outros anos e, se a vitória no campeonato não for uma realidade, que seja a presença na champions, para que se possa continuar a gerir bem.
De qualquer modo é preciso continuar a acreditar que este ano de 2010 vá proporcionar a todos aquilo que esperamos que aconteça a nível desportivo. O FC Porto continua a sua consolidação de equipa, as boas exibições vão continuar a aparecer e com elas os resultados. No fim cá estaremos para fazer as contas.

1 comentário:

Imperador disse...

O FC Porto tem um orçamento superior a 80 milhões e esta administração é conhecida por comprar contentores de jogadores. Esta faceta de austeridade nõ cola minimamente.

Os outros, com ou sem petróleo, estão a arriscar tudo num ano que o Porto está mal.

O Braga com 1/5 do orçamento vai em 1º e nós estamos em 3º.