quarta-feira, junho 30, 2010

Comunicado FC Porto SAD

«No seguimento de notícias difundidas, esta quarta-feira, pelos jornais «Diário de Noticias» e «A Bola» sobre as propostas do FC Porto relativas ao estatuto dos «Stewards», vem o Conselho de Administração da FC Porto - Futebol, SAD esclarecer o seguinte:

1- O conteúdo das referidas notícias está completamente descontextualizado, desvirtuando assim o espírito e a letra das mesmas;

2- O que sempre esteve em causa no processo disciplinar que envolveu os atletas Hulk e Sapunaru foi a qualificação dos «stewards» enquanto intervenientes no jogo e nunca como agentes desportivos. O FC Porto continua a defender, coerente e obviamente, que os «stewards» não são intervenientes no jogo;

3 - Nas propostas apresentadas em sede de AG da LPFP, o FC Porto pretendeu apenas fixar e clarificar os efeitos da circular dirigida pelo Director de Planeamento de Operações da LPFP aos Delegados da LPFP após os incidentes no Estádio da Luz, adequando-os à sua específica tarefa. Esta reacção traduziu-se tão só na proposta de que os «stewards», e no que diz respeito à zona técnica, passassem a ter única e exclusivamente funções de controlo de acessos, propondo ainda um limite de dois por cada um desses acessos. Proposta esta que não foi aprovada, numa decisão cujas consequências, durante a próxima temporada, são imprevisíveis;

4 - O FC Porto sublinha assim que nunca mudou nem mudará de opinião em relação ao estatuto dos «stewards», mantendo a tese que sempre defendeu e que continua a defender. De resto, nenhuma das propostas aprovadas pela AG da LPFP tem como consequência que o «steward» passe a ser interveniente no jogo.»

(in site FC Porto)

1 comentário:

low desert puke disse...

Muito bonito.

Mas juntares um comentàrio teu?

Nao podes nao é, hà pouco a dizer sobre mais esta sacanagem do teu clube, eu sei.

Engoles e pronto.