domingo, novembro 07, 2010

FC Porto - Benfica, 5-0

«Este domingo o F.C. Porto conseguiu um feito inédito. Os portistas garantiram a maior vitória de sempre sobre o Benfica para a Liga ao golear por 5-0. O anfitrião do clássico nunca tinha derrotado os encarnados por cinco golos de diferença no campeonato nacional.»
(in MaisFutebol)

Uma vitória sem margem para dúvidas.

O FC Porto reduziu o benfica a uma simples equipa. Não existem quaisquer dúvidas de que a vitória é inteiramente justa e que não merece qualquer contestação.

André Villas Boas ganha o clássico a Jorge Jesus porque preparou melhor a equipa e não o fez a pensar nas individualidades do adversário.

O FC Porto foi sempre a equipa mais perigosa, aquela que mais tentou ganhar. As suas linhas estiveram sempre juntas, com procura constante pela posse de bola e nunca deixando o adversário respirar. Notava-se que a bola queimava nos pés dos jogadores do benfica, e isso é tudo mérito dos jogadores portistas.

Não se pode hoje dizer que o jogador A ou B foi melhor, pode-se apenas dizer que todos estiveram iguais a si próprios e que foram excelentes.

Ainda é muito cedo para dizer que se podem encomendar as faixas de campeão, mas pode-se dizer que ganhar a este FC Porto não é fácil e os números falam por si. A equipa ainda não perdeu e a manchar a brilhante época conta apenas com dois empates, um para a Liga Zon Sagres e outro para a Liga Europa.

«A vitória sobre o Benfica é um sentimento especial e por 5-0 não acontece todos os dias, é muito saboroso. Num jogo destes, acabou por ser o talento do jogadores a resolver as situações. O momento definidor para mim foi a organização defensiva que bloqueou o Benfica.»
(André Villas Boas in MaisFutebol)

1 comentário:

low desert puke disse...

Parabéns pela vitòria. Hoje foram efectivamente muito melhores. A oportunidade é perfeita para poderem branquear as ajudas das primeiras jornadas.