terça-feira, julho 17, 2007

Segurança Rodoviária



Só nos damos conta que andamos depressa quando nos acontece a nós alguma coisa, ou a alguém que nos é próximo. De resto temos a mania de andar sempre nos limites e de pensar que as coisas só acontecem aos outros.

Eu sou um pouco assim, especialmente quando estou a trabalhar, ando sempre a contar os minutos, sempre com pressa, sempre com o carro nos limites.

Ontem à tarde, vinha da oficina com um colega de trabalho onde fomos colocar uma viatura a reparar e vimos um acidente na estrada. Vinhamos a conversar sobre esse acidente, como é que a viatura tinha ficado assim, o que tinha acontecido, essas coisas. Até nem vinhamos muito depressa porque vinhamos atrás de um camião. De repente um carro em sentido contrário ao nosso, mesmo à nossa frente, despista-se e vai embater na barreira. A velocidade que essa carro vinha era de tal ordem que o carro foi literalmente a lavrar a barreira. Parámos prontos para pestar auxilio mas não foi necessário. A quantidade de gente que se junto logo ali, era na minha opinião suficiente para algum auxilio e o condutor da viatura estava bem.

Quando começei a pensar no despiste do carro, fiquei com a sensação de que se este se tem despistado para o outro lado tinha vindo mesmo para cima de nós. As coisas aconteceram muito depressa e felizmente aconteceram assim, sem feridos, mas se tem acontecido de outra maneira podia não estar aqui a escrever estas linhas.

Desde ontem tenho conduzido com mais cuidado, mas tenho a noção de que as coisas não dependem só de nós.

Conduzam com precaução. Não tenham pressa. Mais vale demorar mais um pouco a chegar do que não chegar de todo. Não conduzam muitas horas seguindas, façam pausas para descansar, especialmente se conduzirem em auto-estrada. Gozem as férias, com saúde e alegria.

A estrada é um pouco como no mar. "Á mar e mar, há ir e voltar"

3 comentários:

irneh disse...

Nada como vermos a morte perto de nós. Ficamos a pensar de maneira diferente. Pena é que a memória seja curta e que, por vezes, voltemos aos mesmos erros.

Boa semana

Miguel disse...

Uma Lição de Vida ...!

Um abraço da M&M & Cª!

Isabel-F. disse...

nada como apanharmos um susto ...

não vale a pena andar nos máximos ...


beijinhos