segunda-feira, abril 30, 2007

Poema


O Churchil não tinha canudo
O John Major também não.
O Jerónimo de Sousa é metalúrgico
O Zé Socas é aldrabão.

Se queres fazer uma casa
Um arquitecto deves procurar
Se queres construir um palheiro
Com o Socas podes tratar

Queixava-se o povo do Santana
Achava-o maluco e incompetente
Agora apanhamos o Socas
Que "tirou o curso" na Independente

Anda um gajo a queimar as pestanas
Anos a fio no ensino estatal
O Zé Socas que é um tipo ocupado
Fez tudo numa manhã dominical...

6 comentários:

Miguel disse...

Nem mais, sócio ...!

Bom Feriado ...!

Um abraço da M&M & Cª!

Mocho Falante disse...

ahahahahahaha...os tugas não perdem a oportunidade para o humor

abraços

Isabel-F. disse...

hihihihihi ........


bjs

Caracolinha disse...

ahahahahahah ... saio daqui sempre de sorriso rasgado !!!!

bjinhos a todos e um especial para a minha sobrinha Dani ... :)

O Chaparro disse...

ganda poema, vizinho.
bom resto d semana

irneh disse...

Pois é...o Zé Socas é que nos soca sem dó nem piedade...